Estrias Roxas: Como tirar? Guia Completo Com Rotina de Cuidados em Casa

Estrias Roxas: Como tirar? Guia Completo Com Rotina de Cuidados em Casa

As estrias são lesões parecidas com as cicatrizes e surgem por distensão da derme, levando à ruptura de fibras elásticas e colágenas que sustentam e dão firmeza e elasticidade à pele.

Existem três tipos de estrias, que na verdade, são as fases em que elas se encontram: as vermelhas, roxas e brancas. 

A estria roxa é aquela mais recente, porém está em processo inflamatório e ainda não cicatrizou. Nessa fase, ela também pode ficar meio avermelhada. As estrias roxas somem completamente ou diminuem a sua coloração tornando-se quase imperceptível após um ano ou mais neste processo.

O blog Beleza Brasileira traz este guia completo sobre as estrias. Vamos te mostrar os cuidados do tratamento, bem como as formas de prevenção para evitar o ressurgimento desse incômodo estético. Confira o artigo na íntegra e saiba tudo sobre o assunto!

Novos kits

Tudo sobre estrias roxas: O que é? Quais são as causas? Como tratá-la?

Estria é o nome que se dá a  uma atrofia tegumentar que surge quando as fibras elásticas e o colágeno da pele se rompem ocasionando as cicatrizes. São essas fibras as responsáveis pela firmeza da pele e, por isso, perdê-las ocasionam as marcas indesejáveis no corpo.

Agora, vamos explicar de forma mais didática para ter um melhor entendimento do processo de formação da estria: a pele é elástica, contudo, quando ela é esticada demais em curto intervalo de tempo, isso ocasiona a ruptura abrupta das fibras elásticas, causando assim as cicatrizes das estrias.

Tipos de estrias

  • Estrias vermelhas: são as mais recentes e mais fáceis de tratar por ainda não terem passado pelo processo de cicatrização e fibrose. Aparece quando a pele estica demais. Pode surgir por meio da gravidez, ganho de peso ou ganho de massa muscular;
  • Estrias roxas: elas estão na fase intermediária, mas ainda são consideradas fáceis de solucionar por meio de esfoliação e um bom creme para estrias. Elas podem apresentar coceira e são causadas por um processo inflamatório no local;
  • Estrias brancas: são as cicatrizes em estágio mais avançado do rompimento das camadas da pele. Há a cicatrização total do tecido e, por isso, elas não recebem a devida irrigação sanguínea.

Quais são as causas?

Normalmente, as cicatrizes das estrias ocorrem em situações como: 

  1. Crescimento rápido durante a fase da puberdade;
  2. Aumento excessivo dos músculos por exercícios físicos;
  3. Colocação de expansores (como as próteses mamárias, por exemplo);
  4. Gravidez também é outro fator que provoca a expansão da pele de forma rápida são favoráveis para o aparecimento das estrias;
  5. Obesidade e perda de peso rápido também influenciam no surgimento dessa  atrofia tegumentar;
  6. O uso prolongado de corticosteróides também causa o surgimento da estria.

Como tratar?

Existem diversas formas de tratar as estrias roxas, bem como as demais. Desde uma boa alimentação até tratamentos estéticos conseguem trazer um bom resultado. Tudo vai depender da sua necessidade de urgência para que isso aconteça. Vamos a algumas dicas de tratamento.

banner bumbum cream

1. Alimentação adequada

O consumo de alimentos antioxidantes é ótimo para amenizar o surgimento e o efeito das estrias na pele. Alguns deles que você pode introduzir na sua dieta são:

açafrão ou cúrcuma, aveia, azeite de oliva, chá de cavalinha, frutas cítricas, frutas vermelhas, linhaça, mamão e abacaxi.

2. Tratamento caseiro

A vitamina C é a única que pode ter relação com a melhoria da aparência das estrias. Alguns tratamentos feitos em casa trazem ótimos resultados. Aloe vera, por exemplo, vale a pena investir já que estudos mostram a eficácia no combate das cicatrizes.

Vamos te mostrar uma receitinha para usar esse componente na pele afetada.

Ingredientes:

  • Meia xícara de azeite;
  • 1/4 de xícara de Aloe vera em gel;
  • 6 cápsulas de vitamina E;
  • 4 cápsulas de vitamina A.

Bata todos os ingredientes no liquidificador e guarde a misturinha na geladeira. Use esse creme todos os dias sobre as áreas com estrias. Lembrando que esse tratamento é recomendado para as estrias que ainda estão roxas ou vermelhas.

3. Exercícios físicos

Além dos benefícios para o corpo e mente, a pele também agradece se fizer atividade física.

Isso porque os exercícios auxiliam a pele a ficar mais firme, minimizando o rompimento das fibras. Caminhada, abdominal, agachamento, todas essas atividades são ótimas para a pele de regiões propícias para o surgimento de estrias.

4. Procedimentos estéticos

  • Peeling: este tratamento tem como objetivo tirar o excesso das camadas da pele a fim de promover a regeneração de forma controlada e reutilizá-la. Este procedimento serve para qualquer tipo de estria, contudo, é necessário combiná-lo com outro tratamento, como peeling de diamante ou cristal, que nada mais é que uma esfoliação local em que tem estria;
  • Luz intensa pulsada: o tratamento é feito com aplicação de luz intensa pulsada, promovendo a regeneração da pele e tratando os vasos dilatados. Com 3 a 6 sessões, as estrias já são eliminadas;
  • Infravermelho: consiste em um aparelho que dispara raios infravermelhos que aquecem as camadas mais profundas da pele. O resultado é a produção de fibroblastos, células que formam o colágeno e elastina.

5. Cremes antiestrias

O creme que trata estria é a opção mais econômica e prática ao alcance de pessoas que querem se livrar desse incômodo. Ao usar produtos  específicos para as estrias, isso vai auxiliar na reorganização das fibras de colágeno, diminuindo a quantidade e a aparência delas.

banner bumbum cream

Vamos apresentar o creme Bumbum Cream da linha Beleza Brasileira. Esse produto  possui fórmula hidratante e cicatrizante que amenizam o aspecto das estrias. Além disso, garante profunda hidratação à pele.

O BB Cream ainda tem função regeneradora que estimula a circulação sanguínea do local e estimula também a formação de colágeno, que melhora a aparência dessas cicatrizes já que as estrias estão relacionadas com a perda dessa proteína.

O Bumbum Cream tem 93% de aprovação da Anvisa sobre resultados esperados. Não é só isso! Outras vantagens de usar o creme hidratante é que ele vai melhorar além de melhorar a aparência das estrias, vai tratar a celulite e foliculite e também ajudar na flacidez corporal.

Tudo isso com um preço bem abaixo do mercado, mesmo sendo um produto de uso profissional, mas no conforto do seu lar! Adquira o seu Bumbum Cream e surpreenda-se com o resultado!

Continuar lendo

Bálsamo: O que é? Para que serve? Quais os benefícios e malefícios?
D-Pantenol: O que é? Para que serve? Como usar? Quais os benefícios?

Deixar comentário

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.